Menu Close
blank

Pernoite

“Nem todo retrato é um tributo”. Quem melhor para problematizar a burguesia do que os próprios burgueses? Quem melhor para desmantelar a construção da branquitude do que aqueles que dela se beneficiam?

blank

The New Man from the Tropics

Uma das figuras mais importantes do modernismo brasileiro, o fluminense Flávio de Carvalho é considerado o precursor da arte multimídia do País. Desenvolveu atividades em várias áreas artísticas e intelectuais, frequentemente de forma inovadora e provocativa.

blank

A Bird Called Innocence

Poderosas criaturas que transitam entre a arte abstrata e figurativa são as protagonistas da obra do artista brasileiro Samuel de Saboia. Expoente no cenário atual das artes visuais do País, ele utiliza-se de um ímpeto visceral para realizar pinturas em acrílico e a óleo em diferentes escalas.

blank

Arapuca

Há coerência em sua obra dos primeiros trabalhos aos mais recentes. Marcia Pastore engendra formas escultóricas e instalativas dotadas de compreensibilidade e de autonomia próprias, como atos puros de invenção.

blank

Partitura em cores

Em uma carta escrita ao irmão Theo, Vincent Van Gogh explica que, para ele, os sons se manifestavam também em cores e que certos tons, entre eles o amarelo e o azul, reverberavam em seus sentidos como fogos de artifício.

blank

Texturas de Realidade

Em suas obras predominantemente abstratas, Isabelle Borges explora padrões e estruturas com as quais se depara no mundo visível. Seu foco principal é na geometria dos espaços entre as coisas e a dinâmica especial resultante. Ela gera espaços pictorais que se expandem e contraem evocando tecidos espaciais em movimento.

blank

Jouer avec le cercle

A obra singular de Sérvulo Esmeraldo (1929 – 2017) será exibida a partir de 10 de janeiro na unidade de Zurique da Galeria Kogan Amaro. Com curadoria de Ricardo Resende, a mostra Jouer avec le Cercle evidencia o caráter múltiplo do trabalho de Esmeraldo…